3 dicas para sua empresa crescer nos últimos meses de 2018

3 dicas para sua empresa crescer nos últimos meses de 2018

A previsão para o segundo semestre deste ano é que a economia mundial cresça 3,9%, o que representa uma notável melhoria em relação aos 3,7% de crescimento em 2017 e aos 3,2% de 2016, de acordo com dados do Fundo Monetário Internacional (FMI). Mas quando analisamos os números da realidade brasileira, a previsão não é tão animadora assim. Nossa economia deve crescer 1,8% no segundo semestre deste ano.

Isso significa que você precisa de um parceiro estratégico na tomada de decisão para que a sua empresa volte a crescer nos últimos meses de 2018. Veja 3 dicas para você não perder prazos, dinheiro, e o mais importante nos dias atuais: tempo para aproveitar as melhores oportunidades.

#1 Ser ainda mais cuidadoso com o controle financeiro

Independentemente do cenário é imprescindível ao gestor ter o controle financeiro do seu negócio para quitar todas as despesas e ainda garantir recursos destinados a investimentos. A gestão e o monitoramento do fluxo de caixa são fundamentais para que a empresa tenha sua autonomia financeira dentro de uma base histórica.

Seguindo à risca o plano de contas, com controle de entradas e saídas e contas a pagar e a receber, o gestor aumenta suas chances de manter a saúde financeira da empresa e crescer. Sem surpresas indesejáveis é possível quitar as despesas fixas e também ir além: inovar, oferecer novos serviços, desenvolver outros produtos, aperfeiçoar o atendimento e, enfim, fazer mais do que já vem sendo feito.

#2 Usar a tecnologia a favor da gestão

Já reparou na ampla variedade de processos que a tecnologia nos ajuda a otimizar dentro da empresa? É possível, sim, ter maior eficiência operacional, redução de custos e segurança das informações modernizando alguns processos na sua empresa.

Assim como no seu dia a dia um aplicativo pode ajudar a encontrar um endereço que você não conhece, um bom sistema de gestão financeira pode ser a alternativa que você busca para organizar alguns processos que não estão fluindo, e recolocar a empresa no caminho do crescimento.

E muitas vezes você nem precisa fazer um investimento tão alto para atingir este objetivo. Alguns aplicativos como o Trello, por exemplo, podem ajudar a organizar suas tarefas e processos para que você se dedique ao que mais importa: o crescimento da sua empresa. Outros apps como o VExpenses, Slack, Asana e até a plataforma Workplace do Facebook também têm sido muito usadas pelos empreendedores interessados em otimizar o trabalho de suas equipes.

#3 Investir na contabilidade consultiva

A mesma crise que motiva profissionais a entrarem de cabeça no negócio próprio leva outros a buscarem a contabilidade consultiva, para fortalecer sua gestão e seu posicionamento. Hoje, muitos gestores já dispensam um contador operacional para contratar um profissional especialista e estrategista.

Qual empresário não gostaria que o contador participasse mais do planejamento do negócio fornecendo conselhos estratégicos e atuando efetivamente como consultor do negócio?

A contabilidade consultiva analisa muito mais do que as obrigações fiscais de uma empresa. A partir dessa nova perspectiva, o contador tem condições de apresentar os dados ao gestor, fornecendo indicadores reais do cenário, para embasar suas tomadas de decisão.

O desafio é amadurecer e tornar-se, cada vez mais, um parceiro estratégico do cliente. E nesta busca não há espaço para tomar toda responsabilidade para si. É preciso usar o contador como um parceiro estratégico na busca dos objetivos da sua empresa.

Seguindo estes primeiros passos sua empresa ganha fôlego e força para manter um ritmo constante de crescimento e se destacar, aproveitando o momento de retomada do crescimento nos últimos meses de 2018.

Sobre o Autor: