Tempos de crise: como garantir a sobrevivência da empresa

Tempos de crise: como garantir a sobrevivência da empresa

O assunto do momento é a crise e em todos os setores o que mais preocupa é a sobrevivência das empresas, independentemente do tamanho ou do que elas comercializem. Mas será que é possível sobreviver nestes tempos de crise? Neste post, você vai ver como garantir a sobrevivência da sua empresa com algumas atitudes como redução de custos, reorganização das finanças e outras mudanças que podem ser o diferencial para a sua empresa.

Conheça e analise todos os gastos da empresa

Um erro muito comum é não conhecer todos os gastos da empresa e não se preocupar com valores que, efetivamente, não pesam no orçamento. Faça uma lista de todos os desembolsos, desde salários, até as contas de energia, telefonia, internet e outras que sua empresa possua. Alguns gastos passam despercebidos e, no final do período, podem pesar no seu orçamento. Assim, anote os valores de cafés, lanches, pagamento de estacionamento e outros pequenos valores.

Uma dica é pedir auxílio ao seu contador para entender quais são as maiores despesas e custos e como isto está impactando de forma negativa no seu resultado. Renegocie contratos, procure novos fornecedores e, caso seu imóvel seja alugado, procure uma alternativa como valor mais baixo.

Utilize ferramentas de gestão

Aproveite o fato de que você está conhecendo melhor a sua empresa e controlando os gastos e implemente algumas ferramentas de gestão. Controle o fluxo de caixa, que é uma poderosa ferramenta que demonstra todo o fluxo de recursos em seu negócio, suas entradas e saídas.

O fluxo de caixa permite, entre outras análises, conhecer detalhadamente seus gastos por tipo, assim como o valor de suas receitas. Além disso, você pode utilizar o fluxo de caixa projetado para saber como estarão suas finanças em um determinado período de tempo futuro.

O gerenciamento do capital de giro também é importante. Tenha cuidado com o prazo que você está dando para seus clientes e o que você tem com seus fornecedores, já que este descompasso pode gerar dificuldades de caixa, que podem aprofundar ainda mais os problemas derivados da crise.

Utilize seus recursos de forma inteligente, peça desconto, negocie melhores prazos, evite atrasos e pagamentos de multas e juros, já que estes têm impacto negativo em suas finanças.

Reveja seu preço de venda e mix de produtos

A partir do momento em que você conhecer profundamente seus custos e despesas, é hora de outra estratégia: rever o seu preço de venda. Será que não é possível reduzi-lo ou baixar a sua margem de lucro?

Reflita também se você não pode tentar vender um diferente mix de produtos ou serviços, combinando aqueles que possuem custos mais altos e, por consequência, maior preço, com produtos ou serviços que possuem menor valor agregado.

Invista em promoções, ofereça descontos ou até mesmo novos mercados para os seus produtos ou serviços, com a busca por novas tendências ou diferenciais que podem atrair novos clientes para a sua empresa.

Invista em seus clientes

Muitas empresas acabam tendo problemas durante uma crise, pois focam tanto no problema que se esquecem de seus clientes. Conheça e valorize seus clientes fiéis, ofereça diferentes condições de pagamento ou brindes e um tratamento especial. Isto faz com que eles continuem a comprar de sua empresa e até mesmo que lhe indiquem para amigos e conhecidos.

Além da excelência no atendimento, também use as ideias de seus clientes para adaptar seus produtos e serviços à nova realidade do mercado.

Evite demissões

Ao contrário do que muitos pensam e fazem, demitir pode não ser uma saída inteligente em um momento de crise. O que sua empresa precisa é de união e engajamento de todos e não de funcionários com medo e desmotivados. Assim, analise com muito cuidado o desligamento de funcionários, já que esta é uma medida extrema e pode gerar ainda mais custos com o pagamento de multas rescisórias ou possíveis ações trabalhistas.

Ao invés de criar um clima ainda mais tenso, que tal envolver os seus colaboradores em busca de melhores resultados? Para isso, além de evitar ao máximo as demissões, defina metas claras, baseadas em premiações não só para o aumento da produtividade, mas também para ideias que visem à diminuição de custos e otimização de processos na empresa.

Dê o exemplo

A reorganização financeira para o fortalecimento de uma empresa durante uma crise requer diversas medidas e uma pode estar ao seu alcance. Reconsidere o valor que você retira de pró-labore.

O seu pró-labore deve acompanhar o valor de suas receitas e caso você venha passando por dificuldades deve pensar, seriamente, em diminuí-lo. Lembre-se que é preciso do esforço de todos para vencer uma crise, assim, suas retiradas e, por consequência, seus gastos pessoas, devem ser menores, de acordo com a nova realidade que se apresenta.

Uma diminuição no pró-labore e não diretamente em seu pessoal demonstra que você está preocupado e engajado, o que passa uma imagem de responsabilidade e de espírito de liderança, o que é necessário em momentos difíceis.

Inove

Já que você viu que um caminho para sair da crise é o engajamento de todos e o exemplo de que você também está pensando na economia de recursos, que tal aproveitar e pensar em algumas mudanças? Seus funcionários poderão ajudar com a sugestão de alterações em processos e ideias para diferenciar a sua empresa e você pode pesquisar e entender o que sua concorrência está fazendo para se destacar no mercado.

É preciso que você tenha consciência de que as épocas de crise exigem esforços, pesquisa e muita ação, pois quem fica parado corre o sério risco de ser engolido pelos problemas.

Use canais diferenciados para divulgar a sua empresa

Em épocas de crise é preciso aparecer. Assim, que tal investir em um website? Lembre-se de investir em conteúdo de qualidade, de dar atenção aos comentários e às críticas de seus clientes e de estar sempre ligado nas últimas novidades.

Você viu que em tempos de crise, é preciso agir, conhecer melhor seus gastos, utilizar ferramentas gerenciais e motivar seu quando de colaboradores, dar o exemplo e repensar o seu próprio pró-labore também é importante, além de inovar e pensar em novos canais de divulgação para sua empresa.

Tem alguma dica ou comentário sobre como sobreviver em momento de crise? Comente!

Sobre o Autor: